A Google reclama supremacia quântica, mas IBM diz que não é bem assim…

A primeira grande marca da computação quântica parece ter sido batida, ou seja, a capacidade de bater os computadores tradicionais a executar cálculos complexos.
Source: Sapo TeK