Beta-i e Tetuan Valley querem criar o maior acelerador de startups da Península Ibérica

Depois de anos de colaboração, as duas entidades vão juntar as experiências acumuladas em Espanha e em Portugal para promover o empreendedorismo na região.

A Beta-i anuncia que vai juntar-se à congénere madrilena Tetuan Valley para formarem o maior programa de inovação e de aceleração de startups da Península Ibérica. A parceria conta com uma experiência conjunta de aproximadamente 15 anos.

Em comunicado, o líder da aceleradora de startups portuguesa explica que a Beta-i especializa-se em programas de aceleração e projetos de inovação empresarial e que a Tetuan Valley, por seu lado, se dedica mais às fases antecessoras, ou seja, aquilo que descreve como programas de pré-aceleração e formação.

Pedro Rocha Vieira acrescenta que esta aliança vai permitir combinar as forças de ambas as entidades nos seus respetivos campos de atuação e oferecer uma oferta mais robusta e completa ao mercado ibérico.

A fusão assenta em três principais frentes de atuação: programas corporativos, programas de pré-aceleração e financiamento de startups em Madrid.

As informações oficiais indicam que estes planos vão permitir à Beta-i ampliar o seu nível de investimento em Espanha, e que, no futuro, se espera que ambas as incubadoras atuem sob um único nome.

O “EDP Starter Acceleration Program” é um dos primeiros programas a estrear-se no seio desta nova aliança e é apenas orientado para empresas espanholas.

Source: Sapo TeK