Combate ao discurso de ódio online: os resultados são encorajadores mas há muito por fazer

Um ano depois da criação da iniciativa europeia de combate aos conteúdos racistas e de incentivo á violência, o Facebook, Twitter e YouTube estão a remover o dobro dos posts nas redes sociais, de forma mais rápida do que há seis meses atrás. O caminho passa pelo reforço da auto regulação, tendo por base o Código de Conduta.
Source: Sapo TeK