Como poupar energia na cozinha

Como poupar energia na cozinha

 

No ano mais atípico das últimas décadas, provavelmente os teus gastos com energia aumentaram: a maioria das famílias portuguesas passa mais tempo em casa e esse tempo vai refletir-se na conta de energia no final do mês. 

 

Isto não é bom para a carteira, nem para o ambiente. E, provavelmente, a cozinha é a divisão onde os teus hábitos fazem com que gastes mais que do que o necessário.

 

Mas podes ser mais eficiente, ao adotar alguns hábitos diários que não causam transtorno à tua rotina. Se todos fizermos uma parte, a mudança será visível e estaremos a contribuir não só para poupar na fatura mensal, mas também para um futuro melhor, que nos permita viver de forma mais sustentável. 

 

Reunimos 10 dicas para que comeces já a poupar: 

 

1. Começa pelas compras

A economia começa no momento das compras dos ingredientes que vais utilizar na cozinha. Se comprares uma maior quantidade de alimentos poderás preparar quantidades maiores de comida e congelar, por exemplo. Desta forma, irás utilizar menos o fogão e gastar menos gás, e terás sempre refeições prontas, evitando desperdícios.

 

2. Evita o micro ondas para descongelar

Outro hábito simples que evita o desperdício de energia é evitar o uso do micro-ondas para descongelar os alimentos. O ideal é deixá-los à temperatura ambiente, para que descongelem de forma natural.

 

3. Aumenta a temperatura do frigorífico quando fores de férias

Uma boa parte da energia consumida pelo frigorífico é para equilibrar a temperatura após a abertura da porta. Se vais estar uns dias fora de casa, o frigorífico não vai ser aberto, pelo que podes perfeitamente subir a temperatura do termostato. O frigorífico vai gastar muito menos energia e manter-se a uma temperatura constante.

 

4. Usa o forno com sabedoria

Há várias formas de fazeres do teu forno um aliado contra o desperdício. Evita o pré-aquecimento e só uses o forno para cozinhar quantidades que se justifiquem ou para cozinhar várias refeições ao mesmo tempo. Ou seja, se assares um frago, aproveita o momento para fazer um bolo ou uma quiche, por exemplo. Desliga-o antes do cozinhado terminar, pois o calor gerado mantém-se durante um período e acaba de cozinhar os alimentos, sem necessidade de mais gastos de energia. Além disso, usá-lo mais no inverno favorece as temperaturas amenas dentro de casa sem recorrer a aquecedoras. Assado feito? Desliga o forno e deixa a porta aberta para aquecer a cozinha.

 

5. Desliga os eletrodomésticos

Os eletrodomésticos gastam energia mesmo em stran-by. Se os aparelhos não estiverem a ser usados, desliga-os da tomada.

 

6. Mantém o congelador cheio

É preciso mais energia para manter a temperatura de um congelador vazio do que para um congelador cheio. Pode parecer estranho mas, ao teres sempre o congelador cheio, evita que o calor entre e ocupe os espaços vazios quando abres a porta. Como tal, sempre que não tiveres comida suficiente para enchê-lo, abastece-o de garrafas ou garrafões de água. 

 

7. Usa a máquina de lavar com a carga completa

Usa a máquina de lavar roupa apenas quando esta estiver cheia e num programa de baixa temperatura. Se tiveres tarifa bi-horária, escolhe os horários de vazio para os consumos maiores de energia. Poupas água, energia e trabalho.

 

8. Coloca o frigorífico longe de fontes de calor

Hoje em dia é bastante frequente encontrar cozinhas modernas em que o frigorífico é colocado junto a uma janela. Porém, para obteres a melhor eficiência deste eletrodoméstico, deves afastá-lo de qualquer fonte de calor e da luz solar direta. Assim, evitas que o frigorífico trabalhe mais. Também deves evitar colocar o frigorífico junto ao forno ou à máquina de lavar loiça. 

 

9. Aquece a água numa chaleira elétrica

A forma como aqueces a água também afeta o consumo energético. Aquece apenas a água que precisas e se possível numa chaleira ou cafeteira elétrica em vez de no fogão. Podes depois passar para uma panela, quando estiver a ferver. 

 

10. Compra bons eletrodomésticos

Se por algum motivo tiveres de comprar eletrodomésticos novos, escolhe os modelos com maior eficiência energética. Gastas mais no momento da compra, mas irás poupar muita energia depois 

 

 

Artigos Relacionados

  • MEO Energia, a eletricidade 100% verde

     

    MEO Energia, a eletricidade 100% verde

    A Altice Portugal, associou-se à PT Live para criar um tarifário de energia renovável com “benefícios de comunicações”. Saber mais

  • Qual a origem da energia?

     

    Qual a origem da energia?

    As mudanças começam em cada um e só somando o conjunto de ações se consegue alcançar um resultado benéfico para o planeta. Saber mais

  • Planeta Terra respirou durante a pandemia

     

    Planeta Terra respirou durante a pandemia

    É preciso olhar para a frente e pensar que os países, as empresas, as pessoas, têm o futuro do planeta na sua mão. Saber mais

Soluções Recomendadas

  • Tomada inteligente Xiaomi Mi Smart Plug

     

    Tomada inteligente Xiaomi Mi Smart Plug

    Esta tomada pode ser controlada à distância, o que garante maior segurança mesmo quando não há ninguém em casa. Saber mais

  • Frigorífico Combinado LG GBB72PZEFN

     

    Frigorífico Combinado LG GBB72PZEFN

    Frigorífico com Classe Energética A+++ e Modo Eco-Friendly. Saber mais

  • Máquina Lavar Loiça LG DF425HMS

     

    Máquina Lavar Loiça LG DF425HMS

    Silenciosa, Eficiente e Fiável.Saber mais

Source: Blog Meo