Em outubro celebra-se a cibersegurança na Europa. E Portugal não é exceção

O “Mês Europeu da Cibersegurança “ é uma iniciativa europeia anual que promove a segurança informática, em todas as suas vertentes. Em Portugal, o Centro Nacional de Cibersegurança (CNCS) realizou uma conferência de discussão dos perigos digitais, imbuído do espírito deste programa da ENISA.

Todos os anos, em outubro, a Agência Europeia para a Segurança das Redes e da Informação (ENISA) promove a discussão e a sensibilização para as ameaças que povoam a dimensão online.

As celebrações deste “Mês Europeu da Cibersegurança” ocorrem um pouco por todo o Velho Continente. Cerca de 295 eventos vão decorrer em 28 países, durante o mês de outubro.

Recorde-se que em 2015 foram organizadas 203 atividades em 30 países. Apesar de algumas desistências, Portugal mantém-se como participante nesta iniciativa.

Prova disso é o “October – National Cyber Security Awareness Month”, um encontro organizado pelo CNCS em Lisboa no qual forma levados a debate assuntos como a segurança das infraestruturas informáticas do Estado e as ameaças ao interesse nacional, as populares técnicas de ransomware e os perigos a que estão expostos os negócios no universo online.

Esta conferência contou com a participação do Contra-Almirante António Gameiro Marques (da Autoridade Nacional de Segurança), do professor Pedro Veiga (Coordenador do CNCS), do engenheiro Rui Gomes (dos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde) e do engenheiro Nuno Medeiros (da EDP).

<!– Conditionally wrap elements in

Source: Sapo TeK