NASA vai levar projetos universitários até à estratosfera

A agência espacial quer levar projetos de estudantes universitários até aos limites da atmosfera, em balões estratosféricos. Esta iniciativa tem como objetivo atrair os jovens para carreiras na área aerospacial.

Os estudantes universitários, graduados e não graduados, estão a ser desafiados pela agência espacial norte-americana para desenvolverem equipamentos (como satélites, detetores de radiações ou dispositivos de comunicação de longo alcance) e para os levarem até à estratosfera, 37 quilómetros acima da superfície da Terra.

Esta iniciativa acontece ao abrigo do programa educacional HASP, da NASA. Até ao dia 16 de dezembro, os interessados podem enviar as suas candidaturas para o site desta plataforma. Do total, apenas 12 equipamentos desenvolvidos pelos estudantes vão poder voar a bordo dos balões estratosféricos da agência espacial.

No próximo dia 11 de novembro vai ser realizada uma teleconferência na qual os interessados podem participar, para obterem mais informações acerca das condições de acesso e seleção deste concurso, bem como informações relativas ao calendário de atividades.

O voo propriamente dito está agendado para setembro de 2017. Até lá, vão ser realizadas conferências, sessões de esclarecimento e o desenvolvimento dos protótipos que serão integrados no balão.

Mais de 960 estudantes dos EUA, Canadá e Porto Rico já desenvolveram projetos para o HASP.

Os balões vão ser lançados a partir de Fort Sumner, no estado norte-americano do Novo México, e, tendo em conta experiências anteriores, os voos têm uma duração de 10 a 20 horas.

Source: Sapo TeK